Overlord, オーバーロード


Gêneros: Ação, Aventura, Fantasia, Jogos, Magia, Sobrenatural
Episódios: 13
Ovas/Especiais: 11
Status Atual: Completo
Autor: Kugane Maruyama
Estúdio: Madhouse
Tipo: Legendado
Ano: 2015
Temporada: Verão
Classificação: 18 anos

Nota: star 8.02 (3463229 votos)

Aberturas: "Clattanoia" - O×T (Masayoshi Oishi × [email protected])
Encerramentos: "L.L.L." - MYTH&ROID

Tags:  

Estatísticas do Anime:

Pausaram
Assistiram
Assistindo
Pretendem Assistir
Desistiram

Personagens:



Overlord

A história começa com Yggdrasil, um popular jogo online que um dia será discretamente desativado, no entanto, o protagonista Momonga decide não sair. Momonga é então transformado na imagem de um esqueleto conhecido como "o Bruxo mais poderoso". O mundo continua a mudar, com personagens não-jogadores (NPCs) começaram a ter emoções. Não tendo parentes, amigos ou lugar na sociedade, o jovem Momonga então se esforça para assumir o novo mundo que o jogo se tornou.

star Rank #842 Mais Votado
favorite Rank #166 Mais Popular

Um dos poucos animes que ainda me empolgam, depois de ter visto vários animes desse gênero e vários deles tentarem fazer uma coisa boa e sempre cair no mesmo cliché, Overlord se escapa por sua originalidade dentro do gênero, ai você pensa 'como assim um anime tem como se inovar dentro de um gênero sem copiar os animes que fizeram sucesso dentro do gênero" quando você faz uma coisa bem feita como, cuidar da historia, da trilha sonora, animação, realmente foca nos detalhes da sua história, e não foca no que todo mundo pede e pensa sobre oque seria "Um anime Bom", você vai ter um anime realmente bem polido, claro Overlord não é perfeito mas ele faz muito bem oque muitos animes desse gênero tenta fazer , que na minha OPINIÃO é prender o espectador, prender na história que roda os personagens a história que cerca aquele mundo onde eles vivem, um mundo que seja vivo mesmo sem os personagens principais estejam participando daquele mundo, porque muitos animes pegam na parte que vão criar seu mundo, porque é que aquele mundo só viver ser os personagens principais estiverem envolvidos diretamente com aquele mundo 24hrs a todo momento, e que pra mim isso só mostra quão o anime é vago e falta sustentação pra criar um real mundo vivo, então pra mim Overlord tem erros claro, todo anime tem, nem sempre um anime vai agradar 100% da galera que assistir pela primeira vez ou a fã base que já via do mangás e etc, mais Overlord também é mais acertos do que erros vamos dizer por assim, pra mim toda pessoa que curti um gênero de aventura, fantasia, Ação e magia, se você é a pessoa que esta a procura de um anime novo pra assistir e que ter uma experiência no minimo interessante, recomendo muito assistir Overlord e ta um voto de confiança para esse anime.

 
Avaliação Geral: 5 sentiment_very_satisfied - Animação: 5 sentiment_very_satisfied - Trilha Sonora: 5 sentiment_very_satisfied - Enredo: 5 sentiment_very_satisfied - Personagens: 5 sentiment_very_satisfied
O fim é o começo ·

"Overlord" é outro anime nascido na sequência do sucesso de "Sword Art Online" e que propõe novamente o tema, que agora deu origem a uma vertente real por si só, do videogame permanecer preso dentro de seu jogo.

Assim, somos confrontados com uma série, Yggdrasil é um MMORPG próximo do fechamento. Um jogador cujo nome nunca é mencionado decide permanecer conectado, imerso em sua melancolia, até que os servidores do jogo sejam permanentemente desligados. Mas quando chega a hora de X, ao contrário de suas expectativas, o logout não ocorre, mas ele descobre que estava preso dentro do jogo no papel de seu personagem, Momonga, que tem a aparência de um esqueleto enorme. Se isso não bastasse, a realidade ao seu redor também mudou, exceto por sua fortaleza e seus servos, todo o resto parece pertencer a outro mundo. Como mencionado acima, "Overlord" não é de todo um anime ruim, pelo contrário, acredito que a visão dele será extremamente agradável. Um dos meus principais méritos, na minha opinião, é o fato de ter conseguido combinar elementos muito diferentes de uma maneira verdadeiramente excelente, como comédia, luta, horror.Às vezes, as mudanças repentinas de atmosfera podem deixar o espectador deslocado, mas, na minha opinião, tudo isso ajuda a tornar a história mais provável.

Quanto aos personagens, "Overlord" é certamente um "show", acima de tudo domina o caráter e a personalidade de Momonga/Ainz, enquanto os outros parecem muito pouco e não acrescentam quase nada à história. E chegamos ao que, no começo, defini como o verdadeiro ponto dolorido das animes desse tipo. Depois de "Sword Art Online", nenhum de seus clones (ou pelo menos os que eu já vi) pode enquadrar corretamente a psicologia de um ser humano que permanece preso na realidade virtual dos MMORPGs. No caso de "Overlord", o protagonista liquida a questão em dois minutos, não há medo do evento extraordinário em que se mergulha, não há trabalho psicológico, não é definido como o objetivo principal do protagonista e como pedra angular da história, a intenção de retornar ao mundo real o mais rápido possível. Ainz decide conquistar o mundo para tentar entender se existe algum outro jogador preso como ele naquele lugar, mas fora isso, ele não faz mais nada, ele não se pergunta o que causou essa situação, ele não tenta entender se há saídas e assim por diante. Sua única intenção é encontrar alguém como ele, com quem, talvez, tome uma cerveja juntos. E, na minha opinião, essa é uma falha na história, no caso de "Overlord", no entanto, pelo menos eu gostaria de dar o suficiente. Se você fechar os olhos para esse assunto, de fato, este título é mais do que discreto. E me pergunto como teria sido se as travessuras do jogador preso tivessem sido evitadas, certamente ela teria uma avaliação completamente diferente.

O ponto forte da série, por outro lado, são os gráficos. Desenhos e personagens originais que emergem fortemente, pelo menos deste ponto de vista. Entre os melhores, só posso citar a sedutora Albedo e a pequena Shaltear. Garotas dos antípodas em termos de caráter e características, mas as únicas capazes de me intrigarem um pouco mais. A dublagem é boa e até a música é realmente bonita. A abertura ainda está cantando, e o final tem o impacto certo para encerrar o episódio com dignidade. Pena para um diretor medíocre que, na minha opinião, não foi capaz de enfatizar totalmente os confrontos. Acima de tudo, eu os teria imaginado um pouco mais cativantes. Mas, além disso, como fazer se Ainz que esta em um nível imensamente mais alto que todos os outros? Em resumo, como jogar no nível cem contra monstros de um nivel 1.000... não há jogo.

O enredo em si é incrível. Apesar de basear-se em uma abordagem já vista antes, ela é tratada de maneira diferente. Momonga, que em breve adotará o nome de Ainz Ooal Gown, nem tenta retornar ao mundo real, de fato, ele se sente perfeitamente à vontade nessa nova forma. Recomendo se você gosta desse tipo de isekai.

 
Avaliação Geral: 4 sentiment_satisfied - Animação: 4 sentiment_satisfied - Trilha Sonora: 4 sentiment_satisfied - Enredo: 4 sentiment_satisfied - Personagens: 5 sentiment_very_satisfied

... Overlord tem como protagonista um personagem bem interessante com um corpo totalmente esquelético, um manto um tanto quanto estiloso e uma personalidade forte (pelo menos ele tenta kkk)



Resumo: A história começa com Momonga (protagonista) se reunindo com seus demais amigos em um jogo online (Yggdrasil) ao descobrirem que o jogo estava prestes a ser fechado depois de anos aberto, todos ficam bem tristes pois a amizade que eles conquistaram foi justamente através desse jogo RPG. No entanto, o Momonga ao se despedir de seus amigos, decide ficar no jogo até o prazo do fechamento ser concluído, foi então que o prazo para o jogo ser fechado finalmente se passa. Momonga é então transformado na imagem de um esqueleto como "o bruxo mais poderoso." O mundo continua a mudar, com personagens não-jogadores (NPCs) começam a sentir emoções.



Trilha Sonora: Eu realmente gostei muito da Trilha Sonora desse anime, tanto nas partes cômicas, quanto nas partes com pegadas mais sérias, nesse quesito a direção foi ótima, conseguiram trabalhar muito bem.




Personagens: Todos os personagens secundários são bem trabalhado nessa obra para girar em torno do protagonista. Como o personagem principal é bem Over Power, então o autor deu mais espaço para os demais personagens, e funcionou muito bem, teve um erro aqui e ali, mas nada pra relevar. Quase todos os subordinados do Momonga teve seu momento no anime em poucos episódios até o momento, tendo em destaque: Sebas, Narberal, Shalltear e Albedo.



Animação: Isso é um ponto muito questionado no anime, devido os CG's ''mau desenvolvido''. A maior parte das lutas tem um CG aqui e ali, porem na 3º temporada eles colocaram CG com mais intensidade devido a diversos personagens dentro e fora do campo de batalha. Eu particularmente não ligo tanto para animação ruim, porem tenho meus limites também.




História: Ela é bem simples, basicamente um player fica preso em seu jogo preferido e seu ''Castelo'' é teletransportado para outro lugar, Momonga então tenta descobrir se algum de seus amigos também ficaram presos dentro do jogo. Então a história vai se desenrolando ao decorrer do anime.




Bom... foi uma experiência interessante ao assistir esse anime, o protagonista não apanha até despertar seu poder e ele não é aquele personagem salva princesas. Gosto muito do desenvolvimento dele, os ideais e a personalidade dele vão mudando ao decorrer do anime, até chegar em um ponto que muitas pessoas vão o chamar de ''vilão'', em um certo ponto é verdade, basicamente ele não se importa em matar ou usar alguém para beneficiar Nazarick e seus subordinados, será esse o efeito de ser um Morto Vivo?

 
Avaliação Geral: 4 sentiment_satisfied - Animação: 4 sentiment_satisfied - Trilha Sonora: 5 sentiment_very_satisfied - Enredo: 4 sentiment_satisfied - Personagens: 5 sentiment_very_satisfied

Termos de Uso - DMCA Notification - Regras do Site - Alterar Tema
© 2019 Dream Animes - Carregado em: 0.031638860702515